Páginas

3.12.15

teimosia inversa.

Isto é só um desabafo. Eu gostava de ser daquele tipo de pessoas que quando mete uma cena na cabeça faz de tudo para a conseguir. Queria poder dizer:"ok, eu vou ser excelente nisto, vou empenhar-me ao máximo, focar-me absolutamente nisto e ser a melhor que posso ser!" e conseguir realmente levar esse pensamento a cabo, concretizá-lo em acções, deixar que seja um mero pensamento... Queria ter a força de vontade suficiente para tal. Deixar a preguiça de lado, as desculpas, a falta de auto-estima, o que quer que seja que me impede de ser assim. Queria por uma vez na vida levar um objectivo até ao fim, sem desistências à mínima fraqueza ou obstáculo que me surge pelo caminho. Odeio ser assim, odeio ser fraca e persistente apenas na preguiça. Quando ouço alguém dizer:"se é para fazer então tenho de fazer bem, ser o melhor" o meu primeiro pensamento é logo:"fogo, que convencido...", mas caramba, também eu gostava de ter essa capacidade de controlo e ambição, ser realmente boa naquilo que de facto quero ser! Tanto em objectivos a longo prazo como vir a ser uma assistente editorial como em pequenos detalhes do dia-a-dia como levantar-me da cama e ir à procura do raio da pen que teima em brincar às escondidas e vencer-me porque simplesmente não me quero dar ao trabalho de a ir procurar (apesar de me estar a fazer falta...) ou levar até ao fim o hábito de fazer exercício e comer saudavelmente cada vez que começo. Tudo isto porque, no fundo, são pequenas batalhas que se tornam mais duras à medida que desisto. O difícil, como toda a gente sabe, é começar... e eu estou sempre a começar... até que acabo por desistir. Raios.

Sem comentários: