Páginas

7.6.14

Das Ausências:

O último mês foi uma absoluta agitação, tanto boa como má. E agora vou aqui deixar um post gigantesco com todas as novidades que não tive tempo de partilhar na altura!
  • No início do mês adoeci e não consegui estar presente na minha semana académica, nem no desfile dos meus aluviões o que me deixou ainda mais devastada. No fim de semana senti-me um pouco melhor e foi a minha Bênção de Finalistas! Foi um dia absolutamente cansativo mas também feliz, senti o orgulho dos meus pais e irmãos e a cumplicidade daquele dia com as minhas colegas e amigas;
  • Fiz 21 anos. Estava a contar em ter um dia de m*rda só a estudar. Acordei, recebi uma mensagem para estar pronta ao almoço. Eram elas. Fizeram-me uma surpresa com bolo, prendas e balões. Acima de tudo com muitos sorrisos e gargalhadas! Estou-lhes eternamente gratas por terem atribuído tamanho valor e presença ao meu dia! Os manos e a namorada do C. foram jantar comigo e estive acompanhada o dia inteiro. A I. lavou-me a louça que era imensa e soube bem descansar e acalmar tamanha alegria e agitação. O R. não me deu os parabéns;
  • Tenho uma cadeira conjunta com chinesas e criámos laços de amizade, tanto que me convidaram e à J. para um jantar tipicamente chinês, não daqueles que se vêem nos restaurantes ditos chineses em Portugal. Foi uma experiência única e interessante, conversámos imenso e trocámos curiosidades das duas culturas e línguas!
  • Uma das prendas de aniversário, a dos meus pais, foi uma nova gatinha. A Tori. Adorável e completamente hiperativa. Faz-me rir e sentir-me menos só. Apesar disso continuo com saudades da Sasha que será sempre insubstituível;
  • Outra prenda, a dos meus irmãos, foi um bilhete para o dia 31 do Rock in Rio. Nunca lá tinha ido e fiquei bastante entusiasmada. Além disso, disseram-me que no domingo íamos onde eu quisesse em Lisboa, fomos ao Parque das Nações almoçar, andar de teleférico e ao Oceanário porque nunca lá tinha ido. Foi um fim de semana maravilhoso e os meus irmãos foram incríveis comigo, além disso os concertos foram espectaculares!
  • O pior mesmo desde mês foi a quantidade absurda de trabalhos, testes, orais da universidade, o facto de eu me matar a estudar, dar o meu máximo e as notas não corresponderem a isso, é demasiado frustrante para alguém que está no último ano da licenciatura...


Sem comentários: